segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Os anônimos do arraial

Texto: Ex 31.1-6

      1.     Tanto Bezalel como seu companheiro Aoliabe são homens pouco conhecidos, pouco citados, na 
            realidade são os Anonimos do Arraial
2.     Foram homens de grande valor no cenário histórico de Israel. Deles lemos em Êxodo 31:2,3; 35:30-35; 36 e 38:22.
3.     São anônimos no meio de uma multidão de mais de 2 milhões de pessoas, de 600 mil homens. Deus chama estes dois anônimos.
4.     O que é Anônimo? Anônimo é aquele cujo nome não é conhecido; é aquele que é desconhecido, aquele que não está na mídia, nem nos holofotes, mas está no centro da vontade de Deus. Deus esta olhando para ele, eles estão na mira de Deus.
5.     Foram incumbidos de uma importante e grande tarefa ; a construção do Tabernáculo,

Estes dois personagens nos trazem lições extraordinárias sobre a chamada de um obreiro.
1º - O obreiro precisa ter convicção da sua chamada (31:2 – Eis que eu tenho chamado)

Spurgeon disse – “É- lhe imperativo que não entre no ministério enquanto não fizer profunda sondagem e prova de si próprio quanto a esse ponto”.

Umas das coisas fundamentais para que o Obreiro de Deus tenha sucesso em seu ministério, é este ter convicção de seu Ministério, da sua chamada e da sua Missão.

Lá no meio da multidão, no arraial,  longe dos holofotes, da mídia - o obreiro precisa saber :

1.     Quem chama é Deus – Jer 1.5 ; Am 7.14,15 ; I Tim 1.1
2.     Paulo esta dizendo que não por ordenação humana, ou por imposição pessoal, mas por mandamento divino – Quem chamou foi Deus – Deus já tinha um projeto traçado para você ser um obreiro.
3.     Não sei como foi a sua chamada; mas arde algo no peito algo maior do que nós ; Deus fala conosco  por profecia; pela palavra ; usa as pessoas
4.     Chamada não é se preocupar com o salário , com a fama , com os louros, chamada é paixão pelas coisas de Deus, por almas perdidas ; pela unção; pela graça divina
5.     Pastor Mitchell disse: "Não posso levar as almas para mais perto de Cristo do que eu estou".

2º - A chamada é direta - Deus chama o obreiro pelo nome (31.2 – Eis que eu tenho chamado por nome a Bezalel, filho de Uri, filho de Hur , da Tribo de Judá)

1.     Ele nos chama pelo nome porque nos conhece – Is 45. 1-5 (150 a 200 anos antes de Ciro nascer Deus já o conhecia)

2.     Ele nos chama pelo nome porque o nome identifica quem eu sou –  (At 9) -
Saulo – Grande / Paulo – pequeno

3.     Ele nos chama pelo nome para mostrar que ele não se esquece de você – Is 40.26

3º - A chamada precisa de ter capacitação - Deus enche o obreiro do seu Espírito (31.3 – e o enchi do Espírito de Deus)

Sem a capacitação espiritual é impossível termos sucesso na obra de Deus.

1.     Quem te capacita é o Espírito Santo - (João 14:17 ; 26 ; At 1.8 ; I Jo 2.20 ; 27)

Um obreiro sem a presença do Espírito Santo

 Um peixe fora da água;
 Um viajante sem destino de chegada,
 Uma folha seca no ar. Um oceano sem águas
 Um céu sem estrelas,
 Uma casa sem alicerce

Um obreiro cheio do Espírito é como uma locomotiva a vapor, nada fica na sua frente.

Passa por cima de todos os obstáculos. Ele vence, supera, suporta, agüenta.

2.     A medida da capacitação: é "plena" ; é cheia ; é vaso cheio  – o encheu ( Ef 5.18)
·         Teriam que ser hábeis no trabalho com metais (construir a arca; propiciatório ; os querubins ;  a bacia ; altar de holocausto; de incenso ; a mesa dos pães ; o castiçal ;)

·         Teriam que ser hábeis em trabalhos com tecidos cortinas ; cobertura ; bordados ; as vestes sacerdotais

·         Se você se encher do Espírito Santo - Deus vai te dar

I – habilidade – (como trabalhar na obra ; como fazer ; que direção tomar)
II – inteligência, conhecimento, sabedoria
III – Deus vai te dar poder ; graça ; autoridade

Deus chama os anônimos do arraial...Ele chamou você, no meio do pasto, ninguém dava nada, mas Deus te achou, te salvou, te ungiu e te capacitou

Moisés era assassino, fugitivo; e ficava se desculpando para não fazer o Deus queria
Josué era um líder ciumento, tinha medo de sombra
Pedro era um pescador rude e impetuoso
Tomé era cético, não tinha fé em Jesus
Mateus era amante do dinheiro,
Simão Zelote era um militante político,
Paulo era inimigo da fé, perseguidor da igreja
Todos eles fizeram a obra de Deus

4º - Quem tem chamada precisa estar disposto a fazer aquilo que Deus ordenou

1.     Pronto a trabalhar  - Ex 31.6 ; 36.1
2.     Fidelidade no trabalho de Deus – 38. 22, 23

A chamada é sua, mas a revelação do modelo, de como é para fazer Deus só dá para o sacerdote. (Heb 8. 5)

Seja fiel a Deus ; ao ministério ; ao seu pastor e Deus te abençoara (I Cor 15.57, 58)

Pr. Ezequiel Barbosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário